sexta-feira, 24 de junho de 2011

" O SONHO DE UM AVIADOR "


Paulo Cruz sempre sonhou em ser aviador. Aos quatorze anos passou para o Colégio naval chegando a Oficial . Depois que regressou da viagem de navio pelo mundo foi se apresentar no porto onde estaria servindo.


Chegando lá ficou sabendo que precisavam de voluntários para servir na base de São Pedro da Aldeia para ser piloto de helicóptero. Não pensou duas vezes e lá foi ele aprender a profissão com que tanto sonhava.


Exerceu a função de piloto-aviador e transitou por diversos setores dentro dela por merecimento. Até que conseguiu ser declarado um dos melhores astronautas da NASA.

Participou ao lado de russos e americanos de uma missão na ISS-Estação Espacial Russa,onde o Brasil participou com seus experimentos na área, mostrando sua tecnologia. Foram 8 dias de experimentos à bordo da referida estação espacial.

Após a missão, Paulo Cruz foi transferido para a reserva militar pelo Comando das Forças Armadas, onde na função civil de astronauta desenvolve serviços e ministra palestras a serviço do Brasil.

Em suas palestras ele revela que o segredo do sucesso é nunca desistir, mesmo quando outros duvidarem da sua capacidade de atingir grandes e bons objetivos.


RSantos




6ª Edição Profissão
Projeto Bloínquês
A história aqui relatada foi pesquisada na Internet e tem alguns fatos verídicos, sendo nomes locais fictícios.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

" Vizinhos Apaixonados "

Após alguns meses morando no mesmo Condomínio Diana e Rodrigo já não conseguiam esconder o interesse que um sentiam um pelo outro.

Suas casas ficavam uma frente à outra e por mais que não quisessem se encontrar não havia como evitar, pois a entrada de acesso era a mesma.

Tinham rotinas em comum como fazer a caminhada matinal, usar o salão de ginástica à noite, curtir uma piscina nos finais de semana e até algumas vezes, em dias quentes, passear pelos jardins do Condomínio.

No dia da mudança de Rodrigo houve uma grande movimentação e foi quando Diana o conheceu. Ficou encantada com sua simpatia, seu sorriso, seu olhar e com sua voz quando se apresentou.

- Olá como vai? Sou seu mais novo vizinho e pelo que vejo estamos um de frente para o outro. Comentou Rodrigo abrindo um belo sorriso.

- Oi tudo bem? É verdade vamos um ser vigia do outro. Muito prazer sou Diana e seja bem vindo. Disse estendendo a mão para cumprimentá-lo.

- Sou Rodrigo e agradeço a acolhida, respondeu apertando a mão de Diana.

Assim foi o primeiro encontro do casal de vizinhos que dali em diante passaram a se encontrar quase diariamente. Ora se encontravam em suas caminhadas ou no salão de ginástica e sem contar os encontros na piscina.

A cada encontro contavam mais um sobre o outro e todos os moradores já percebiam que eles estavam apaixonados, mas faltava pouco para começarem a namorar.

Houve uma comemoração no sábado com direito a churrasco organizado por um dos vizinhos que comemorava seus cinqüenta anos. Todos foram convidados e Diana e Rodrigo estavam lá se divertindo e sempre sorridentes.

Em determinando momento Diana disse:
- Vou até em casa pegar a máquina para tirar umas fotos da festa.

Sem dar a perceber Rodrigo a seguiu e quando chegou à frente da entrada da garagem a chamou:
- Diana?
Ela se virou e ficou com seu rosto bem pertinho do dele que não contendo mais o seu desejo lhe deu um beijo apaixonado.

Olharam-se ternamente mantendo as mãos dadas quando Rodrigo disse:
- Diana como esperei tanto por este dia meu amor. Você é tão linda e estou tão apaixonado que não consigo pensar em outra coisa.
- Parece que nossos sentimentos são os mesmos. Também não consigo deixar de pensar em você, falou Diana oferecendo seus lábios para Rodrigo beijá-los novamente.

Foi um longo e interminável beijo que selou o começo de um grande amor.


RSantos

74a. Edição Musical
Projeto Bloínquês
imagem  meme

sábado, 11 de junho de 2011

" VIVER EM ALEGRIA - DIA DE FESTA E MUITO PARA COMEMORAR"




Olá a todos!
Hoje é um dia especial, é o dia do aniversário do blog Coisinhas da Chica da minha amiga .


Parabéns para esta  joaninha que merece muitos e muitos anos de vida!

Rene Santos


Imagens google

sexta-feira, 3 de junho de 2011

" Somos iguais "


O tempo passou tão rápido que nem percebi. Estou aqui sentado neste sofá onde passei momentos tão gostosos em companhia de Vanessa. Tão linda, alegre, amorosa que encheu os meus dias de tanta felicidade.

Hoje esta sala está vazia e sem vida. Sinto a minha respiração fazer eco no ar, uma tristeza, uma saudade tão grande que não consigo ter vontade de fazer nada. Estou prostrado, sem ação, totalmente apaixonado como nunca estive por alguém.

Ontem estávamos aqui iguais a dois adolescentes, rindo à toa, assistindo a um filme e brincando de jogar pipoca um no outro. Depois ficamos abraçadinhos tentando aproveitar intensamente as últimas horas antes de sua volta para casa.

Quando seu avião decolou senti vontade de largar tudo e voltar para minha terra natal. Voltar para as minhas raízes deixando de lado as realizações que almejava em me tornar um grande cirurgião dentista.

Parei para pensar desde a nossa infância, do nosso tempo de adolescentes e da separação quando as nossas vidas tomaram rumos diferentes. Sempre tive notícias de Vanessa através de minha família e foi num dos papos pela Internet que ela resolveu passar suas férias no Rio e logo ofereci dela ficar aqui em casa.

No dia de sua chegada fiquei vislumbrado ao ver como tinha se transformado numa linda mulher. Uma jovem que volta e meia aparecia em meus sonhos agora estava ali ao vivo. Que alegria contagiante ao nos vermos. Corremos para nos abraçarmos e dali para frente o que não faltava era assunto.

Gostávamos das mesmas coisas, curtíamos os mesmos tipos de filmes, músicas e me lembro do dia que ela chegou para mim e disse:
- Sei que não podemos viver separados. É só questão de tempo para que isso aconteça.
Como sempre fugi de ter compromissos sérios nem respondi e foi quando ela acrescentou:
- E sabe por quê? Porque nós dois somos iguais e fomos feitos um para o outro.
Levei aquilo na brincadeira e lembro que apertei o seu nariz com carinho e a beijei com todo o meu amor.

Agora aqui sozinho é que entendo o quanto ela estava certa. Não quero mais viver aqui sem a sua companhia e vou correndo buscar o amor da minha vida.

RSantos




25a. Edição Roteiro
71a. Edição Musical
Projeto Bloínquês