sexta-feira, 19 de novembro de 2010

"A DECISÃO"


Taís trabalhava numa empresa americana como Gerente de Soluções atuando na área de desenvolvimento. Tinha uma vida profissional que a deixava feliz e satisfeita, mas não podia dizer o mesmo quanto a sua vida pessoal onde o seu casamento de oito anos tinha chegado ao fim. O seu conto de fadas teve um final triste e não resistiu às pressões da vida a dois.

Hoje estava um pouco tensa porque Margareth, diretora da empresa, a tinha convidado para jantarem juntas e esperava que tratassem de bons assuntos para aliviar um pouco o desgaste dos últimos dias.

O jantar transcorria de uma forma muito agradável e conversavam sobre assuntos dos mais variáveis saboreando um bom vinho o que ajudava a descontrair.

- Margareth sei que você tem alguma coisa a me dizer e estamos aqui dando voltas e eu ansiosa por saber do que se trata, disse Tais com a taça de vinho na mão.
Ela olha firme para sua diretora e saboreia mais um gole de vinho esperando o que iria dizer.

- Realmente esse nosso jantar tem um motivo de muita importância para a Companhia e que vai depender muito da sua decisão. Sabemos que seu casamento acabou e por mais forte que seja sempre existe um abalo emocional. Por esse motivo e por sua capacidade profissional, achamos que novos ares poderão ser benéficos, o que nos levou a escolher você para atuar num projeto em Houston que vai durar no mínimo dois anos, disse Margareth olhando para Thais que nesse momento estava com os olhos baixos e sorrindo.

- Margareth como essa notícia me deixa muito feliz e era o que eu mais precisava ouvir nesse momento. Viver em outro país, ter novas experiências e poder continuar com o meu trabalho é o melhor presente que poderia receber. Claro que a minha resposta é sim e não tenho dúvida alguma quanto a minha decisão, disse Tais com satisfação.

As duas se abraçaram e Margareth querendo mais que uma confirmação perguntou ao seu ouvido:
- Taís você sabe que é uma mudança radical em sua vida e que não tem como desistir no meio do caminho. Tem certeza que não vai mudar de idéia?

- Nada vai me fazer mudar de idéia, estou certa disso, respondeu Taís ainda abraçada a sua diretora e amiga. Em seu rosto sentia-se transparecer num sorriso o alívio e a felicidade dessa nova fase de sua vida.

RSantos
2a. Edição Especial



41a. Edição Conto/História
Projeto Bloínquês
Imagens do projeto

Nenhum comentário: