quinta-feira, 15 de julho de 2010

"AMAR SEMPRE VALE A PENA"


Tive um grande amor e não soube dar valor até o dia em que ele foi embora. Tentei de todas as maneiras fazer com que voltasse, mas já era tarde demais e só me restou sofrer com a dor que ficou dentro de mim. Depois deste dia minha vida nunca mais seria a mesma.
Sentada em frente à janela tendo no colo a nossa filha, a minha linda princesa, sabia que ali estava a razão de ter forças para continuar vivendo. Olhando pela janela e sentindo seu corpinho indefeso em meu colo via como era grande a minha capacidade de amar, de enfrentar o que fosse necessário para que nada de ruim lhe acontecesse e lutar para que tivesse uma vida cheia de saúde, amor e felicidade.
Estava tudo calmo, o quarto no escuro e os meus pensamentos recordando tudo o que poderia ter feito e simplesmente deixei passar. Quantas vezes deixei de dizer “eu te amo”, palavras que alimentam e enchem de emoção nossos corações. Quantas vezes deixei de escrever momentos inesquecíveis para que pudessem ficar eternizados e jamais fossem esquecidos. Quando se ama de verdade nunca podemos pensar só em nós, pois quem está ao seu lado tem que se sentir amado. Como fui egoísta e não soube me doar, encher de agrados, de carinhos, de simplesmente dedicar pequenos gestos para demonstrar o meu amor. Agora é tarde e não adianta chorar.
Como me sinto triste e procuro alguém para amar e sei que isso não é algo que eu possa passar numa loja e encontrar lá a minha disposição na prateleira. O amor aparece quando menos se espera e como sofro só de pensar que deixei escapar àquele a quem tanto amei.
Sonho em encontrar um grande amor novamente, mas não vou mais viver como alguém que só espera um novo amor.
O amor que carrego comigo é eterno, cheio de emoções e muito gostoso de se ver a cada dia que passa. Esse amor vai crescendo, vai ficando mais forte e tenho a certeza, que por tudo que passei, por todos os erros que cometi, olhar para a minha princesa é poder dizer que amar sempre vale a pena.

Rene Santos

7a. Edição Imagem com frase
6a. Edição Frase de livro
(Imagens retiradas da NET)

2 comentários:

Italo Stauffenberg disse...

Ficou ótimo o texto Rene.

Parabéns e sorte com sua pauta!

Abraço.

http://manuscritoperdido.blogspot.com

Naty Araújo disse...

Aiii que lindo...
E essa risada da bebê ta gamante demais..

Vontade de apertar as bochechas.

Beijos, querida.