sexta-feira, 16 de julho de 2010

"SUBLIME MOMENTO"


Doce e sublime momento de um início de tarde do mês de agosto
Entre carinhos, afagos, dores e suspiros ao meu filho dei à luz
Inesquecível emoção me embargou a garganta ao ouvir o seu choro
Com olhos embaçados vi seu rostinho cor de rosa contra a luz
Entre sorrisos e choros de alegria queria ver, sentir esse ser tão pequenino
Esse ser tão meu, tão perfeito, tão lindo de um amor que não se traduz.


Ser mãe foi um momento único da realização de um sonho lindo
Sentir esse filho em meus braços, com suas mãos macias sobre meu peito
Sentir seus lábios sofregamente sugar meus seios saciando sua sede
Sentir seu corpinho tão delicado aninhado em meu colo que saudade
Queria poder voltar nesse tempo e fazer renascer cada momento
Queria poder reviver as primeiras palavras, os primeiros passos do meu anjinho.


Esse dia, essa data estará sempre viva em minhas recordações
Alimentando a minha alma e aquecendo o meu coração.
Meu filho é um sonho real que gera vida, amor e alegria
E hoje as atitudes se invertem e em seus braços me acaricia
Com toda preocupação e cuidados toma conta do meu sono
Toma conta de tudo e me enche de mimos e carinho.


Que mais posso querer do que agradecer a Deus por tamanha bênção
De ter gerado esse filho que só me traz alegrias e emoção.
Obrigado por ter sido protagonista desse espetáculo divino
Que desse amor sublime fez da minha vida um constante aprendizado.
Obrigado pela felicidade de ser mãe e por viver esse dia tão especial
Que em minha memória viverá para sempre momento tão celestial.



Rene Santos

7a. Edição Tema - Data

(imagens retiradas da NET)

Um comentário:

Jaqueline Jesus disse...

incrivelmente lindo seu texto *--*
gostei muuito.
Espero daqui há uns anos poder sentir essa emoção de ser mãe :D
beijos